Notícias recentes dão conta de que a China habilitou produtores brasileiros para a exportação deste e de outros produtos lácteos. Por conta disso e de outros fatores a produção de leite em pó está em ascensão no panorama brasileiro.

Neste artigo falamos sobre as técnicas de fabricação do leite em pó e apresentamos o trabalho do Luiz Carlos Ferreira, diretor na Start Automação de Goiás, na automação de um processo na cidade de Rio Maria – PA.

Rio Maria – PA

O processo foi inteiramente automatizado com CLPs Haiwell e Software Supervisório Industrial Haiwell Cloud SCADA.

Técnicas de produção do leite em pó

O leite em pó é obtido pela desidratação do leite por meio de um dos seguintes processos:

Processo roller-dry: nesse procedimento, o leite é derramado entre dois cilindros rodando em sentidos invertidos e aquecido a temperatura de 130-150 °C, na qual, em poucos segundos, evapora-se a água e a substância seca fica depositada no fundo da câmara. O produto final apresenta uma alteração da proteína e o pó resultante assume uma coloração amarelada e um sabor de cozido.

Processo spray-dry: este procedimento é baseado na atomização do leite pasteurizado e homogeneizado e borrifado em aspersores de pequeno calibre que formam pequeníssimas gotas que passam em uma câmara onde uma corrente de ar aquecido a 150 °C evapora a umidade presente, formando o pó.

Processo de produção de leite em pó pela evaporação e desidratação por atomização (Spray-Dry)

Se trata de um processo amplamente consolidado e garantido por gigantes como a Tetra Pak para a produção de leite em pó.

Passos principais do processo

  • Recebimento e estocagem do leite crú;
  • Pasteurização – feita a 75°C;
  • Remoção da gordura – por meio da centrifugação;
  • Homogeinização – serve para ajustar o nível proteico;
  • Evaporação – o processo inicia com o pré-aquecimento do leite em etapas (para não alterar a qualidade organolética do produto) até a temperatura de 90° C, por meio de aquecedores a vapor. O passo seguinte do processo se dá no concentrador, dotado de um possante ventilador. A evaporação/concentração acontece primeiramente por compressão mecânica, e em um segundo momento por compressão térmica. O leite passa então em um sistema de tubos, fluindo de cima para baixo e formando um filme líquido, enquanto externamente flui vapor como fluido de aquecimento. Durante a passagem do leite, acontece a evaporação de parte da água até que a concentração esteja em torno de 40 a 43%;
  • Spray dryer. – É o componente principal do processo que leva a transformação do produto do estado líquido ao estado sólido por meio da aspersão (borrifamento) do líquido no ar aquecido.
    Nessa fase do processo encontramos os filtros absolutos e as câmaras brancas. O produto já concentrado na etapa anterior é bombeado com alta pressão e entra nas câmaras de desidratação por meio dos aspersores. O ar tratado e filtrado é insuflado na câmara de desidratação por meio de aquecedores na temperatura de até 230 °C. O fluxo de ar quente encontra o leite concentrado e atomizado, transformando o mesmo em pó.

O leite em pó termina na parte baixa da torre, de onde é transportado por um leito vibratório para fora da câmara e misturado às partículas finas recuperadas no filtro do ar aquecido que sai da câmara. O transportador vibratório impede a aglutinação de partículas e provê o resfriamento do produto.

Sistema de automação

O sistema de automação, que permite a fábrica operar 24 horas por dia e 7 dias por semana, está sendo implantado pela Start Automação de Goiás e é composto por dois conjuntos de CLPs.

Conjunto 1 de CLPs Haiwell

  • T48S0R-e: CLP série T, 28ED, 20SD, RS232, RS485, Ethernet, MODBUS RTU/ASCII/TCP, 24V, Relé
  • H16DOR: Módulo de expansão digital, 16SD, RS485, 24V, Relé
  • H08RC: Módulo de expansão analógica, 08EA p/ Termo resitência, 16bits, RS485, 24V
  • S08AI: Módulo de expansão analógica, 08EA, 12bits, RS485, 24V
  • S08AO: Módulo de expansão analógica, 08SA, 12bits, RS485, 24V

Conjunto 2 de CLPs Haiwell

  • T48S0R-e: CLP série T, 28ED, 20SD, RS232, RS485, Ethernet, MODBUS RTU/ASCII/TCP, 24V, Relé
  • H24XDR: Módulo de expansão digital, 12ED, 12SD, RS485, 24V, RELÉ
  • 2 x H08RC: Módulo de expansão analógica, 08EA p/ Termo resitência, 16bits, RS485, 24V
  • S08AI: Módulo de expansão analógica, 08EA, 12bits, RS485, 24V
  • S08AO: Módulo de expansão analógica, 08SA, 12bits, RS485, 24V

Software supervisório Haiwell Cloud SCADA

Painéis de automação

Benefícios da automação

  • Controle completo do percentual de umidade, da estrutura das partículas, do tamanho e distribuição das partículas, da solubilidade, da dispersabilidade, reidratação e da retenção de nutrientes, aromas e sabores.
  • A automação permite a redução de custos operacionais, aumenta a eficiência energética dos componentes do processo, e garante a evaporação rápida e contínua, a desidratação e resfriamento, e a facilidade de operação.
  • Versatilidade: Plantas customizáveis para uma diversidade de aplicações, assegurando total conformidade com as necessidades da fábrica.
  • Vida útil estendida da linha de produção: Alta qualidade, confiabilidade, PCP eficiente e engenharia especializada ampliam a vida útil e o máximo desempenho da linha.
  • Rastreabilidade: O processo automatizado permite o controle e rastreabilidade do início ao fim do processo, atendendo as demandas de conformidade das agências reguladoras da produção de alimentos.
  • Capacidade de fabricar o produto de acordo com receitas customizadas.
  • Capacidade de produzir diferentes produtos na mesma linha de produção.
  • Ampla customização do produto final;
  • Por fim, a automação permite a minimização dos tempos de parada, reduzindo custos e maximizando resultados.

Veja também – Automação do beneficiamento de calcário

Leia também


alfacompbrasil
alfacompbrasil

No mercado desde 1992, a Alfacomp fabrica produtos e equipamentos de telemetria que viabilizam sistemas SCADA de Telesupervisão e Telecomando. Nossos rádios modem e unidades remotas de telemetria auxiliam empresas de saneamento e energia na melhoria da rastreabilidade, controle de qualidade, eficiência energética e controle de perdas. Aliados a clps de mercado e operando em protocolos abertos, nossos produtos compõem soluções de alto desempenho e baixo custo. Since 1992, Alfacomp designs and manufactures telemetry devices and solutions for SCADA systems. Our data radios and RTUs help water, oil and energy companies to improve their programs of quality control, traceability, energy efficiency and loss control. Connected to plcs and communicating through open protocols, our solutions compose high performance low cost systems.

Deixar uma resposta