O que é a insensibilização eletrônica de aves e suínos?

A insensibilização eletrônica tem como objetivo provocar no animal um estado cerebral de perda dos sentidos, contudo sem a perda das funções vitais. Uma insensibilização de boa qualidade resulta em um estado de atordoamento em que o animal fica imóvel, e após alguns segundos, se não for abatido, recobra os movimentos sem sequelas.

Como funciona o insensibilizador eletrônico?

O sinal elétrico é obtido pela retificação da energia elétrica da rede obtendo-se, assim, tensão contínua que então é novamente transformada em tensão alternada pela utilização de circuito de chaveamento dotado de transistores de efeito de campo de potência.

O sinal alternado gerado é, então, ajustado em freqüência e tensão. Finalmente, o sinal elétrico é rebaixado em tensão pelo uso de um transformador isolador especialmente projetado para operar na faixa de frequências de 500 Hz a 1000 Hz.

Exemplo de eletrônica para a insensibilização de aves e suínos

Veja um exemplo de circuito abaixo.

Módulo de controle 2022

Este módulo gera os sinais de chaveamento para o módulo de potência. Além disso, monitora a corrente fornecida pelo módulo de potência, diminuindo a largura dos pulsos de chaveamento, de maneira a limitar a energia fornecida.

Ajuste de frequência Permite ajustar a frequência do sinal de saída dentro da faixa de 500 a 1000 Hz.
Ajuste de tensão Permite ajustar a largura dos pulsos da onda quadrada de 0 a 100% de largura. 0% corresponde a uma tensão RMS igual a zero e 100% corresponde a uma tensão RMS de aproximadamente 280 V na saída do módulo de potência e de 100 V na saída do transformador isolador.
Ajuste de corrente Permite ajustar entre 0,5 A e 6 A corrente de saída do módulo de potência, na qual começa a ser limitada a largura dos pulsos da onda quadrada entregue pelo módulo. Ex.: Digamos que o trimpot de ajuste de corrente esteja no meio.

Isto corresponde a aproximadamente 3 A. Para cargas até 3 A, a largura dos pulsos da onda quadrada que sai do módulo de potência será aquela ajustada pelo potenciômetro de ajuste de tensão.

Para cargas acima de 3 A, a largura do pulso é diminuída bastante, ocasionando a proteção por limitação de potência entregue.

Ou seja, a amplitude da onda continua sendo de 100 Vpp, mas a largura cai, diminuindo a tensão RMS e consequentemente a potência entregue.

Módulo de potência 9801

Este módulo consiste em um inversor em ponte utilizando transistores FET. O módulo incorpora ainda os capacitores de filtragem da tensão retificada pela ponte retificadora SKB25/4.

Este módulo transforma a tensão DC de 331 V em uma tensão alternada de formato quadrado e frequência e largura de pulsos comandados pelo módulo 2022.

Consequências da insensibilização de má qualidade

A utilização de insensibilizadores em 60 Hz ou mal ajustados pode resultar em:

  • Animal agitado, sem perda de movimentos
  • Morte do animal
  • Hematomas e derrames
  • Quebra de ossos
  • Salpicamento de sangue
  • Baixo índice de remoção de sangue

Quais são as normas para a insensibilização eletrônica de aves e suínos?

Veja abaixo dois documentos contendo normas e legislação para o abate de aves e suínos.

Insensibilizador eletrônico de aves IE2001

Insensibilizador eletrônico de aves IE2001

O Insensibilizador Eletrônico de Aves IE2001 constitui a mais moderna e eficiente solução para a insensibilização eletrônica de frangos no momento do abate.

Contando com resultados comprovados, o IE2001 demonstrou resultados superiores na qualidade da insensibilização, assim como na eficiência da sangria.

Funcionamento

O Insensibilizador de Aves IE2001 gera uma forma de onda elétrica de características especiais portanto  resultando em alto impacto sobre o sistema nervoso central e baixo impacto sobre o sistema muscular.

O sinal elétrico é obtido pela retificação da energia elétrica da rede obtendo-se, assim, tensão contínua que então é novamente transformada em tensão alternada pela utilização de circuito de chaveamento dotado de transistores de efeito de campo de potência.

O sinal alternado gerado é, então, ajustado em freqüência e tensão. Finalmente, o sinal elétrico é rebaixado em tensão pelo uso de um transformador isolador especialmente projetado para operar na faixa de frequências de 500 Hz a 1000 Hz.

insensibilização eletrônica de aves

Os dois terminais de saída do insensibilizador deverão ser conectados respectivamente à nória transportadora e ao eletrodo imerso em água da cuba de insensibilização.

Especificações Técnicas

  • Alimentação: 220 VCA
  • Consumo: 200 VA máximo
  • Tensão de saída: ajustável de 0 a 100  V
  • Freqüência de saída: 500 Hz a 1000 Hz
  • Corrente de saída: até 1,5 A
  • Temperatura de operação: 0° to 40° C
  • Dimensões: A = 600 mm, L = 400 mm, P = 200 mm
  • Proteção contra sobrecarga
  • Indicadores digitais de tensão e corrente

Composição do painel do IE2001

O insensibilizador IE2001 utiliza os módulos Alfacomp 2022 e 9801, consagrados pelo mercado da indústria da carne.

Insensibilizador eletrônico de suínos IE2002

Insensibilizador eletrônico de suínos

O Insensibilizador Eletrônico de Suínos IE2002 de 3 eletrodos produz uma insensibilização ideal quando corretamente aplicado. Os animais praticamente não se movimentam após a insensibilização, facilitando a operação de sangria e colocação da maneia. O rompimento de vasos sanguíneos periféricos fica extremamente reduzido.

  • Tensão ajustável
  • Frequência ajustável
  • Limite de corrente ajustável
  • Padrão de mercado

Funcionamento

O Insensibilizador de suínos é um equipamento eletrônico que gera tensões e correntes em alta frequência e onda quadrada, utilizado para efetuar a insensibilização de suínos no momento do abate.

A utilização da alta frequência com controle da potência aplicada, em lugar de utilizar tensão senoidal a 60 Hz, demonstrou diminuição das ocorrências de hematomas, salpicamentos e quebras de ossos, levando a uma melhora na qualidade da carne.

O Insensibilizador retifica a tensão de alimentação (220 VCA) gerando uma tensão DC de 311 volts. Esta tensão é utilizada por um circuito de chaveamento em ponte que alimenta um transformador isolador com uma onda quadrada de 311 volts pico a pico e com frequência e largura de pulsos ajustáveis. A saída do transformador constitui a tensão de insensibilização.

Composição do painel do IE2002

O insensibilizador IE2002 utiliza os módulos Alfacomp 2022 e 9801, consagrados pelo mercado como a eletrônica mais utilizada na insensibilização de suínos. Um CLP com IHM controlam o sequenciamento do funcionamento do equipamento.

Leia também

 


alfacompbrasil
alfacompbrasil

No mercado desde 1992, a Alfacomp fabrica produtos e equipamentos de telemetria que viabilizam sistemas SCADA de Telesupervisão e Telecomando. Nossos rádios modem e unidades remotas de telemetria auxiliam empresas de saneamento e energia na melhoria da rastreabilidade, controle de qualidade, eficiência energética e controle de perdas. Aliados a clps de mercado e operando em protocolos abertos, nossos produtos compõem soluções de alto desempenho e baixo custo. Since 1992, Alfacomp designs and manufactures telemetry devices and solutions for SCADA systems. Our data radios and RTUs help water, oil and energy companies to improve their programs of quality control, traceability, energy efficiency and loss control. Connected to plcs and communicating through open protocols, our solutions compose high performance low cost systems.

Leave a Reply